Cruzeiro paga jornalistas para falar bem do clube

Além de brigar dentro de campo para não ser rebaixado pela primeira vez na história para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro vive uma crise que extrapola as quatro linhas. O clube é investigado por fazer pagamento de dívidas utilizando o valor do contrato de atletas, sendo alguns deles menores de idade. A prática, segundo as leis trabalhistas, é ilegal.

Para melhorar a imagem do clube diante da torcida e não ter apenas críticas, a gestão de Wagner Pires de Sá pagava jornalistas e blogueiros para que só falassem bem do clube. Segundo a matéria do jornalista Rodrigo Campelo, do Globoesporte.com, o time mineiro fazia isso por meio de contratos que seriam para ações de publicidade do clube.

Leia mais: Revista Fórum

Contribua para uma mídia em defesa da democracia

contador gratuito de visitas

Coluna

A um ano das eleições municipais vivencia-se no ABCD uma descrença na política municipal, devido a imagem dos políticos e da política agravada pela longa fase de denúncias que a “Operação Lava Jato” implantou no país, que terminam por afastar os munícipes qualificados da atuação política. Qual o...
A região foi impactada neste mês de setembro com a denúncia da Polícia Federal do mau uso do dinheiro público em São Bernardo do Campo, indiciando o prefeito por corrupção passiva e fraudes em licitações. A denúncia pode afetar a governabilidade municipal? Isso é o que interessa para o cidadão,...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Contato

Herbert Schutzer schutzer@hschutzer.com.br